www.clubempac.org







Valores internet:

Pacote Kaká:  Jogos + Alojamento =  R$ 35,00

Pacote Romário: Jogos + Festas + Alojamento =  R$ 65,00

Pacote Imperador: Festas +Alojamento = R$ 55,00

Pacote Fábio Assumpção:Festa =  R$ 45,00

COMPRE ON LINE AQUI :
https://www.riobrasil.net/ingressos/prod.php?idprodutor=3










REGULAMENTO DOS I JOGOS UNIVERSITÁRIOS DE MIGUEL PEREIRA

                       

REGULAMENTO GERAL

 

1. DOS JOGOS

1.1. Denominam-se Jogos Universitários de Miguel Pereira- JUMP, a confraternização esportivade caráter particular e não lucrativo entre universitários, realizada no Miguel Pereira Atlético Clube, através de sua Comissão Organizadora.

 

2. DOS OBJETIVOS

2.1.  Os Jogos Universitários de Miguel Pereira- JUMP tem por objetivos:

 a) Fomentar a prática do esporte universitário com fins educativos e competitivos;

b) Possibilitar a identificação de talentos desportivos nas IES para representar o Município no cenário esportivo nos níveis regional, estadual, nacional e internacional;

c) Desenvolver o intercâmbio sócio-cultural e desportivo entre os participantes;

d) Promover o congraçamento dos universitários, estimulando a prática do esporte, visando o desenvolvimento da personalidade integral do jovem.

e) Contribuir para o desenvolvimento integral do aluno-atleta como ser social, autônomo, democrático e participante, estimulando o pleno exercício da cidadania através do esporte;

 

3. DAS MODALIDADES

3.1. Na edição do JUMP 2019, que será nos dias 30, 31 de agosto e 01 de setembro, haverá as seguintes modalidades:

a) Futsal Masculino e Feminino

b) Handebol Masculino e Feminino

c) Voleibol de Areia 4x4Masculino e Feminino

d) Natação Masculina e Feminina

e) Tênis de Mesa Masculino e Feminino

f) Tênis Masculino e Feminino

g) Desafio de Cheerleaders

h) Desafio de Bateria

 

4.  DA PARTICIPAÇÃO

4.1.  Os Jogos Universitários de Miguel Pereira seguirão as regras oficiais de cada modalidade.

4.2. As modalidades somente serão disputadas se, dentro da categoria houver um mínimo de 3 (três) equipes.

4.3. As delegações que participarem do JUMP serão conhecedoras das leis desportivas nacionais e desse regulamento, assim se submeterão a todas as consequências que delas possam emanar.

4.4. As Atléticas serão responsáveis pela boa conservação dos locais dos jogos e de onde se hospedarem no decorrer da competição, obrigando-se a cumprirem as determinações disciplinares e indenizar por danos eventualmente verificados no material posto à disposição.

4.5. Os órgãos promotores ou patrocinadores do JUMP, não se responsabilizarão por acidentes ocorridos pelos atletas e ou torcedores durante ou depois de qualquer jogo ou competição.

4.6. Não será permitida nenhuma espécie de acordo entre Universidades e representantes, que fujam ao que é determinado por este regulamento, cabendo punição as respectivas envolvidas.

4.7. Na competição, por cursos / Atléticas poderão inscrever apenas 1 (uma) única equipe de alunos de cada curso, independentemente do número de unidades da Instituição nas modalidades coletivas e quantos alunos permitirem cada Regulamento Específico nas modalidades individuais.

4.8. A participação dos atletas será de inteira responsabilidade de quem os inscrever, cabendo às entidades as providências quanto às condições de aptidão física / clínica do atleta para a prática da respectiva modalidade.

4.9. São condições fundamentais para que um atleta participe dos Jogos Universitários:

a) Estar regularmente matriculados em 2019 e com freqüência regular nas aulas nos cursos de graduação no ato da inscrição, devendo ser atestadas por meio de lista de alunos fornecida pela IES, assinada e carimbada pelo seu Diretor ou Responsável Legal, ou por meio de atestados individuais de matrícula.

b) Os alunos inscritos nas fichas de inscrição apenas poderão ser substituídos nas datas e nos limites permitidos pelo Comitê Organizador.

c) Os alunos com matrícula trancada não poderão participar do JUMP.

d) apresentar antes da sua participação nas partidas ou competiçõesDocumento oficial com foto (carteira de identidade, passaporte, carteira profissional, certificado de reservista ou carteira de habilitação).

4.10. Em caso de dúvida no credenciamento, o atleta não será credenciado até a apresentação do certificado individual de matrícula ou outro documento exigido.

4.11. A Atlética poderá incluir um novo atleta em sua listagem desde de que apresente ao comitê dirigente toda a documentação necessária em um prazo de 6 horas de antecedência ao próximo jogo do mesmo.

4.12 Em hipótese alguma um atleta poderá participar dor duas Universidades distintas.

 

5. DAS INSCRIÇÕES DAS EQUIPES

5.1. Os representantes de cada Universidade deverão entregar até o prazo estipulado pelo calendário oficial da competição a listagem de atletas inscritos.

5.2. Toda equipe deverá ser comandada, por um REPRESENTANTE devidamente registrado na competição e somente poderá entrar em quadra com a presença do mesmo no banco de reservas.

5.3. Cada delegação deverá entregar, em data marcada, uma lista de todos os alunos de sua Universidade, conforme estabelecido neste regulamento, sob pena de ter sua inscrição indeferida.

 

6. DAS COMPETIÇÕES

6.1. Os jogos terão seus horários fixados com antecedência, sendo considerado perdedor, por não comparecimento (observada aTOLERÂNCIA de 15 min), a equipe que não comparecer ao local da competição, NO HORÁRIO MARCADO, com os atletas em quadra de jogo epelo menos com a camisa do uniforme.

6.2. Será permitida a presença no banco de reservas, somente de duas pessoas registradas na Atlética.

6.3. Não será permitida a presença de membros de Atléticas distintas no banco de reservas.

6.4. Todas as competições, com exceção das provas individuais, serão disputadas por equipes das Universidades, adotando-se o sistemade eliminatória simples para todos os esportes, não podendo ocorrer empate nas partidas.

6.5. A delegação que abandonar as disputas, impossibilitar seu prosseguimento, ou não comparecer ao JUMP será expulsa da competiçãocorrente.

7.DAS PENALIDADES

7.1. O atleta ou dirigente que for punido com CARTÃO VERMELHO cumprirá automaticamente um jogo de suspensão.

7.2. Oatleta, treinador ou torcedor que se envolver em ato de agressão a outro atleta, treinador, torcedor, árbitro ou organizador, DURANTEOU APÓS a realização da partida estará automaticamente expulso dos jogos, salvo quando a Comissão Organizadora julgar contrário.

7.3. A Universidade que apresentar repetidos problemas disciplinares de seus atletas, torcedores ou treinadores, poderá ser punidapelo Comitê Dirigente, com pena que irá desde a desclassificação da equipe na competição disputada a exclusão do evento.

7.4. Havendo alguma situação contrária a essa será avaliada pelo Comissão Organizadora do JUMP.

7.5. A faculdade que não comparecer para o jogo, com o número mínimo de atletas necessários (W.O.), de acordo com as regras nacionaisque regem cada esporte, perderá 10 (dez) pontos na contagem geral.

7.6. O abandono de quadra por uma equipe em razão da insuficiência de atletas para continuar a partida acarretará na perda da partida, nãosendo considerado W.O.

7.7. A desqualificação do atleta pelo limite de faltas, ou pelas exclusões, não será interpretada como eliminação, podendo este, portanto,participar do próximo jogo.

7.8. Havendo um atleta que não seja aluno da Universidade pela qual disputou uma partida, a respectiva delegação será automaticamenteexpulsa do JUMP.

7.9. Caso uma Atlética tenha sido vencedora de um jogo em que um atleta não aluno integrou sua equipe, o adversário passa a ser ovencedor do jogo.

7.10.  A Comissão Organizadora, na fixação das penalidades entre limites mínimos e máximos, levará em conta a gravidade da infração, a sua maiorou menor extensão, os meios empregados, os motivos determinantes, os antecedentes desportivos do infrator e as circunstâncias agravantes, atenuantes, observando-se, subsidiariamente, o Código Nacional de Organização de Justiça Desportiva (CNOJDD).

7.11. São circunstâncias que agravam a penalidade a ser aplicada:

I - ter sido praticada com o concurso de outrem;

II - ter sido praticada com o uso de instrumento ou objeto lesivo;

III - ter causado prejuízo patrimonial ou financeiro;

IV - ser o infrator representante de uma delegação, técnico ou atleta;

V - ser o infrator reincidente.

7.12. Constituem infrações em geral:

I - Agredir fisicamente pessoa vinculada à organização da competição, por fato ligado aoDesporto.

II - Danificar quaisquer dependências utilizadas no JUMP.

II - Dar, prometer ou oferecer dinheiro ou qualquer outro benefício a árbitro, testemunha ou pessoa vinculada à organização da competição,visando à obtenção de vantagem para si ou para outrem, ainda que a oferta não seja aceita.

IV - Usar ou permitir que usem como própria carteira de atleta ou qualquer documento de identidade de outrem para inscrição irregular empartidas da competição.

V - Invadir o local destinado ao árbitro ou auxiliares, ou penetrar no campo de jogo, inclusive nos intervalos regulamentares, sem necessáriaautorização.

VI - Assumir no local da prática desportiva atitude que prejudique o bom andamento das partidas e/ou da competição.

7.13. Constituem infrações específicas dosatletas:

I - Proceder desleal ou de modo violento durante a competição.

II - Agredir fisicamente árbitro ou seus auxiliares.

III - Agredir fisicamente companheiro de equipe ou componente da equipeadversária.

IV - Assumir atitude contrária à disciplina ou à moral desportiva, em relação à componente de sua representação, representação adversária oude espectador.

V - Omitir dado indispensável à sua habilitação ao evento ou prestar informação falsa visando obterhabilitação.

7.14. Constituem infrações específicas de membros da comissãotécnica:

I - Sugerir ou insuflar, atletas, público ou torcedores, a agredir árbitros, ou qualquer pessoa ligada à organização da competição.

II - Falsificar no todo ou em parte, ou utilizar-se do mesmo conhecendo sua falsidade, documento público ou particular; omitir declaração quenele devia constar inserir; fazer inserir declaração falsa ou diversa da que deveria ser escrita para o fim de usá-lo perante à organização dacompetição.

III - Determinar a desistência da equipe de disputar a partida depois de iniciada ou impedir por qualquer meio, o seuprosseguimento.

7.15. Serão considerados elementos da delegação todas as pessoas que tenham sido inscritas para credenciamento pela mesma, estejamhospedadas/alojadas nas mesmas dependências por ela utilizadas ou possam ser identificadas como tanto por trajarem camisas oficiais dadelegação.

 

8. DA PONTUAÇÃO

8.1. A contagem de pontos do JUMP será feita por modalidade, atribuindo a seguinte pontuação, de acordo com a classificação:

1° colocado = 15 pontos

2° colocado = 12 pontos

3° colocado = 09 pontos

4° colocado = 08 pontos

5° colocado a 8° colocado = 05 pontos

9° colocadoem diante = 03 pontos

8.1.1. Os perdedores nas semifinais para os primeiros colocados serão, respectivamente terceiros colocados.

8.1.2. Os perdedores nas semifinais, para os segundos colocados serão, respectivamente quartos colocados.

8.2. Será declarada vencedora do JUMP a delegação que totalizar o maior número de pontos.

8.2.1. Em caso de empate na contagem geral, será declarada vencedora a Atlética que possuir o maior número de primeiros lugares. Persistindoo empate,será declarada vencedora a Atlética que possuir o maior número de segundoslugares, persistindo o empate, recorrer-se-á àsseguintescolocações e assim por diante.

8.2.2. Persistindo o empate, será verificada a vencedora do maior número de confrontos diretos entre as empatadas (com exceção dasmodalidades individuais), que será considerada campeã.

8.2.3. Persistindo o empate, ambas as Atléticas serão proclamadas campeãs.

 

9. DAS COMPETIÇÕES

9.1. FUTSAL MASCULINO E FEMININO

9.1.1. As disputas de Futsal Masculino e Feminino serão realizadas em 2 (dois) tempos de 20 (vinte) minutos corridos cada, sendo cronometrado o último decada tempo, com 05 (cinco) minutos de intervalo.

9.1.2. Caso a partida termine empatada em seu tempo regulamentar, haverá disputa de pênaltis sendo feitas por 3 (três) cobranças alternadas,depois cobranças sucessivas.

9.1.3. Cada delegação poderá inscrever no máximo 14 (quatorze) atletas por jogo.

9.1.4.  As disputas de Futsal obedecerão às regras da Confederação Brasileira especializada, salvo as especificações anteriores.

 

9.2. HANDEBOL MASCULINO E FEMININO

9.2.1. As disputas de Handebol Masculino serão realizadas em 2 (dois) tempos de 20 (vinte) minutos corridos cada, com 05 (cinco) minutos deintervalo.

9.2.2.  Caso a partida termine empatada em seu tempo regulamentar, haverá disputa de tiros de 7 (sete) metrossendo feitas por 3 (três) cobrançasalternadas, depois cobrançassucessivas.

9.2.3. Cada delegação poderá inscrever no máximo 14 (quatorze) jogadores nas disputas de Handebol por jogo.

9.2.4. As disputas de Handebol obedecerão às regras da Confederação Brasileira de Handebol, salvo as especificações anteriores.

 

9.3. VOLEIBOL4x4 DE AREIA MASCULINO E FEMININO

9.3.1. Uma equipe deve ser constituída de, no máximo, 5 jogadores (4 jogadores na quadra e umjogador substituto), e um técnico. Um dos jogadores é o capitão do time, que deve serindicado na súmula.

9.2.2. As condições e equipamentos são os mesmos doVoleibol de Praia. Ojogador substituto deve sentar-se ou aquecer-se próximo à área de sua equipe e o treinadordeve sentar-se nas cadeiras da equipe.

9.3.3. Não existem posições determinadas na quadra, mas a ordem de saque deve ser mantidadurante o jogo.

9.3.4. Durante o jogo, apenas o CAPITÃO está autorizado a falar com os árbitros enquanto a bolaestiver fora de jogo nos seguintes casos:

9.3.5. Apenas UMA substituição é permitida durante cada set. Em caso de contusão, o jogador quejá participou daquele set pode retornar substituindo o jogador lesionado. Na ocorrência destasubstituição excepcional, o jogador contundido não pode voltar a participar do mesmo jogo.

9.3.6.  Os jogadores da equipe sacadora não devem impedir, com barreira, o adversário de ver ojogador no saque ou a trajetória da bola.

9.3.7. O contato do bloqueio não é considerado como um toque da equipe (idêntico ao Voleibol deQuadra e diferente do Voleibol de Praia).

9.3.8. NÃO é considerada falta, se contatos simultâneos entre adversários, por cima da rede,resultam numa bola presa.

9.3.9. Um jogador não pode completar um ataque usando a “largada” de mão abertadirecionando a bola com os dedos.

9.3.10. NÃO há linha de ataque. Os jogadores podem atacar ou bloquear de qualquer parte daárea de jogo.

9.3.11. NÃO há linha central. Os jogadores podem entrar no espaço do adversário, quadra e/ouzona livre, desde que não interfira no jogo do adversário.

9.3.12. O primeiro contato (recepção do saque, ataque suave, defesa e etc.) é o mesmo do

Voleibol de Praia (Regra 9.2).

9.3.13. O contato de um jogador com a rede não é falta, a menos que interfira no jogo.

9.3.14. Um jogador interfere no jogo do adversário quando (dentre outras):

a)toca a faixa superior da rede ou os 80 cm de cima da antena, durante sua ação dejogar a bola;

b) apoia-se na rede simultaneamente ao jogar a bola;

c) cria uma vantagem sobre o adversário, tocando a rede,

d) realiza ações que impeçam uma tentativa legítima de um adversário jogar a bola.

9.3.15. Um jogador pode completar um ataque usando o toque de bola sem respeitar a trajetóriaperpendicular à linha dos ombros.

9.3.16. Cada equipe tem direito a 1 Tempo de Descanso de 30 segundos durante o set. Um TempoTécnico, no 1º e 2º set será concedido quando o placar somar 21 pontos, e também terá aduração de 1 minuto.

9.3.17. As equipes devem trocar de quadra a cada 7 pontos no 1º e 2º set, e caso seja necessário,set desempate, a cada 5 pontos.5.

 

9.4. NATAÇÃO

9.4.1. Serão disputadas as seguintes provas:

Masculino:

a) 50 metros livre

b) Revezamento 4 X 50 metros livre

 

Feminino:

a) 50 metros livre

b) Revezamento 4 X 50 metros livre

 

9.4.2. As provas seguirão a seguinte sequência:

 

1ª Prova – 50m Livre Feminino – Eliminatória

2ª Prova – 50m Livre Masculino – Eliminatória

3ª Prova – Revezamento 4x50m LivreFeminino – Eliminatória

4ª Prova – Revezamento 4x50m LivreMasculino – Eliminatória

5ª Prova – 50m Livre Feminino – Semifinais

6ª Prova – 50m Livre Masculino – Semifinais

7ª Prova – Revezamento 4x50m Livre Feminino – Final

8ª Prova – Revezamento 4x50m Livre Masculino – Final

9ª Prova – 50m Livre Feminino – Final

10ª Prova – 50m Livre Masculino – Final

9.4.3. A natação contará com pontuação específica, cujo somatório dos pontos determinará a classificação das delegações na mesma modalidade.

 

1º Lugar 20 pontos

2º Lugar 17 pontos

3º Lugar 14 pontos

4º Lugar 10 pontos

5º Lugar em diante 5 pontos 

 

9.4.4.Será considerada campeã da natação masculina e da natação feminina as delegações que totalizarem o maior número de pontos.

9.4.5. Em caso de empate na contagem dos pontos, será considerada campeã a delegação que obtiver o maior número de primeiros lugares.

9.4.6. Persistindo o empate, recorrer-se-ão às colocações seguintes.

9.4.7. Cada delegação é obrigada a participar com no mínimo 1 atleta nas provas individuais tanto no masculino como no feminino. Não sendoobrigatório uma equipe de revezamento.

9.4.8. Cada delegação poderá inscrever no máximo 2 (dois) atletas por prova individual e uma equipe de revezamento.

 

9.5. TÊNIS DE MESA MASCULINO E FEMININO

9.5.1.  Cada delegação deverá inscrever 2 (dois) atletas por equipe masculina e 2 (dois) atletas por equipe feminina

9.5.2. A partida será disputada no sistema de equipes. Onde haverá 2 jogos individuais, sendo 1 partida para cada integrante da equipe, caso ocorra o empate, será decidido em partida única no sistema de duplas  § 3° - As partidas terão duração de 11 (onze) pontos por set e sendo vencedor quem vencer 2 (dois) sets.

9.5.3. A direção técnica do Tênis de Mesa fica a cargo da Camisa 10 eventos.

 

9.6. TÊNIS MASCULINO E FEMININO

9.6.1. Será disputada por ambos os sexos, em eliminatória simples, observadas as regras oficiais e o Código de Conduta da Confederação Brasileira de Tênis.

9.6.2. Cada delegação deverá inscrever 2 (dois) atletas por equipe masculina e 2 (dois) atletas por equipe feminina..

9.6.3. As partidas em ambos os sexos serão disputadas em 02 (dois) sets normais, e no empate de 6 a 6, a decisão será com Tie-Break, (7 pontos com diferença de 02); no empate em sets de 1 a 1, o set decisivo será substituído por um “SuperTie-Break” (10 pontos com diferença de 2).

9.6.4. O bate-bola para aquecimento será de no máximo 05 (cinco) minutos.

 

9.7. DESAFIO DE CHEERLEADERS:

9.7.1. A equipe de jurados será formada por até 5 (cinco) componentes, na sua maioria, por dançarinos, críticos, profissionais da área, escolhidos pela Comissão Organizadora.

9.7.2. Pontuação: as Cheerleaders serão avaliadas pelos jurados, com notas iniciando em 10 pontos, nos seguintes quesitos: Harmonia, Criatividade,Dança, Organização e Fantasia.

9.7.3. Tempo: Cada grupo terá até 06 (seis) minutos de apresentação, sendo até 30 segundos para entrar, de 3 a 5 minutos para se apresentar e 30segundos para sair.

9.7.4. Punição: Ultrapassar 1 minuto de apresentação - 2 pontos / Ultrapassar 2 minutos de apresentação - 3 pontos / Ultrapassar 3 ou + minutos deapresentação – desclassificação

9.7.5. Nenhum integrante da delegação (bateria ou torcida) poderá - enquanto outras Cheerleaders se apresentam- invadir a quadra, fazer barulhocom instrumento, vaiar a apresentação ou se manifestar de forma organizada.

9.7.6. A direção técnica do Desafio de Cheerleaders fica a cargo da Comissão Organizadora.

 

9.8. DESAFIO DE BATERIA

9.8.1. A equipe de jurados será formada por até 5 (cinco) componentes,  na sua maioria, por músicos, críticos musicais, compositores, escolhidos pela Comissão Organizadora.

9.8.2. Pontuação: as baterias serão avaliadas pelos jurados, com notas iniciando em 10 pontos, nos seguintes quesitos: Harmonia, Criatividade,

9.8.3. Arranjo, Organização e Fantasia.

Tempo: Cada bateria terá até 06 (seis) minutos de apresentação, sendo até 30 segundos para entrar, 1 minuto para aquecer, de 2 a 4 minutospara se apresentar e 30 segundos para sair (sem NENHUM barulho)

9.8.4. Punição: Ultrapassar 1 minuto de apresentação - 2 pontos / Ultrapassar 2 minutos de apresentação - 3 pontos / Ultrapassar 3 ou + minutos deapresentação – desclassificação

9.8.5. Nenhum integrante da delegação (bateria ou torcida) poderá - enquanto outras baterias se apresentam- invadir a quadra, fazer barulho cominstrumento, vaiar a apresentação ou se manifestar de forma organizada.

 

10 – DAS PREMIAÇÕES

10.1. A Comissão Organizadora elegerá, ao final, da competição, a melhortorcida, levando-se em consideração critérios de criatividade, animação,disciplina e organização.

10.2. É proibida a utilização pelas torcidas de quaisquer equipamentos eletrônicos de som (exceto megafone) e efeitos pirotécnicos.

10.3. Caso a arbitragem e/ou a Comissão Organizadora solicite a torcida não poderá utilizar qualquer equipamento sonoro que atrapalhe o bomandamento dos jogos.

10.4. A escolha da melhor torcida não contará pontos para a classificação geral.

10.5.Nas disputa por modalidades, não serão contemplados troféus, somente medalhas.

10.6. Haverá obrigatoriamente medalhas para os primeiros e segundos colocados.

10.7.- Ao campeão, ao vice-campeão e ao terceiro colocado geral do JUMP, caberá um troféu de posse definitiva.

Parágrafo Único - Para as provas individuais haverá medalhas para os primeiros, segundos e terceiros colocados.

                     







Rua Prefeito Manoel Guilherme Barbosa, 520 - Miguel Pereira / RJ - CEP 26900-000

TEL: Hotel - (24) 2484-2903 / Secretaría : (24) 2484-3483

Desenvolvido por GRUPO RIOBRASIL / RIOBRASIL.NET